Americano almeja investir em cassinos no Brasil

Cassino
Americano almeja investir em cassinos no Brasil

Americano almeja investir em cassinos no Brasil

O bilionário americano Sheldon Adelson, um dos empresários mais bem sucedidos da indústria dos cassinos, pode investir no Brasil. O magnata enxerga o país como um lugar que tem potencial para a exploração dos jogos e aguarda a legalização dos cassinos-resorts pela legislação brasileira para colocar a sua ideia em prática.

Adelson é presidente da Las Vegas Sands, uma das maiores empresas ligadas ao segmento no mundo. Com investimentos em diversos países, o americano, que em agosto vai completar 86 anos, acumulou uma fortuna de quase 40 bilhões de dólares. Comenta-se que a empresa do bilionário está disposta a colocar o equivalente a 10 bilhões de reais no Brasil, provavelmente em negócios no Rio e em São Paulo.

O americano deseja construir um cassino-resort na capital paulista e outro na capital fluminense. Ele já esteve reunido, inclusive, com o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, que se mostra favorável à legalização dos cassinos. Adelson pode fazer até uma proposta pelo Parque Olímpico da Barra da Tijuca, que é da Autoridade de Governança do Legado Olímpico (AGLO).

O modelo de cassinos em resorts, sugerido no projeto de lei do deputado Paulo Azi, vigora com sucesso mundo afora. O objetivo do parlamentar é turbinar áreas que já têm potencial turístico, aumentando a procura de brasileiros e estrangeiros por esses lugares.

Foto: Getty Images

Relacionadas

Licitação de resort integrado em Osaka
Cassino

Genting foi selecionada para licitação de RI em Osaka

Genting umas das três selecionadas para licitação de resort integrado em Osaka. A concessão do RI será de 10 anos, com um período de exclusividade de 7 anos. O lugar planejado para o RI tem 49 hectares no noroeste da ilha artificial de Yumeshima, que também é onde a Expo Mundial de Osaka-Kansai de 2025 será realizada.