Carolina do Norte aprova apostas esportivas

Legislação
Carolina do Norte aprova apostas esportivas

Carolina do Norte aprova apostas esportivas

Os dois cassinos tribais da Carolina do Norte, de propriedade da Banda Oriental dos índios Cherokee e administrados pelo Caesars, poderão oferecer apostas esportivas legais, já que o estado se tornou o 17º a incluir apostas esportivas nos estatutos na semana passada.

O governador Roy Cooper assinou o SB 154 na última sexta-feira e abriu caminho para o Harrah's Cherokee e Harrah’s Cherokee Valley River oferecer apostas esportivas.

Não há previsão para apostas móveis. No entanto, não há exigência de uma taxa de integridade / royalties na conta e, ao contrário de outros estados, não há veto sobre apostas em eventos esportivos colegiados realizados na Carolina do Norte, incluindo basquete na Duke University e na Universidade da Carolina do Norte.

A falta de uma provisão de apostas móveis na legislação da Carolina do Norte é intrigante, especialmente considerando as estimativas comparativamente baixas para a receita de apostas esportivas dos dois cassinos. Espera-se que eles gerem apenas US$ 14 milhões por ano, dos quais o estado receberá menos de US$ 1 milhão.

A Carolina do Norte tem sido um estado relativamente conservador, com leis rígidas e regras contra o jogo em certas cidades e vilas. Começou a demonstrar uma mudança na mentalidade em maio passado, quando disse que certos tipos de jogo eram permitidos - se ligados a um evento de caridade. A legalização do jogo esportivo é uma ruptura com a norma no estado.

Atualmente, 17 estados oferecem apostas esportivas legais nos EUA e esse número continua a crescer. Apesar das tentativas equivocadas do Departamento de Justiça (DOJ) de tentar controlar o jogo no país citando a Federal Wire Act, os estados estão mostrando que determinarão seus próprios destinos e os jogos online irão percorrer todo o país.

Foto: Shutterstock

Relacionadas