Mais BgC: sobre plataforma de apostas

Apostas Esportivas
Painel sobre apostas nos BgC

Mais BgC: sobre plataforma de apostas

Como estruturar a modalidade de apostas esportivas no Brasil? Criar uma plataforma, se espelhar em modelos de outros países?

Foi esse o tema centrar do painel que teve a participação de Sérgio Alvarenga, da Intralot Brasil, Witoldo Hendrich Júnior, da Online IPS, e Percy Wilman, da Betgenius.

O debate, mediado por James Kilsby, vice-presidente da GamblingCompliance, agitou o Brazilian Gaming Congress (BgC) na tarde de segunda-feira (24). 

Sobre métodos de pagamento, Witoldo Hendrich citou o boleto bancário como a possibilidade ideal para tornar o mercado de jogos e apostas mais expansivo. 

- É absolutamente difundido na sociedade brasileira o boleto bancário. A grande vantagem do boleto, em relação a outros métodos de pagamento, é que ele atinge uma população que não tem conta corrente, ele atinge uma população que não tem crédito. Para uma atividade como a do jogo, o boleto bancário é, sem sombra de dúvida, o método de pagamento mais importante para o operador do jogo. Através do boleto, ele consegue atingir, potencialmente, 100% da população brasileira - destacou o advogado, sócio-fundador da Online IPS Brazil e professor de Direito Fiscal da PUC-Rio. 

De acordo com Sérgio Alvarenga, é preciso aproveitar a cultura de jogo que o brasileiro já tem, e que se reflete no alto índice de apostas em loterias, por exemplo, para o crescimento e a massificação do setor on-line.

E isso, na visão dele, é um desafio. 

- Quanto mais rápido o governo brasileiro regulamentar, mais rápido vai conseguir arrecadar, trazer empregos e investimentos para dentro do país - afirmou o presidente da Intralot Brasil.

Veja também:
VP de marketing do Vasco fala no BgC
No BgC, presidente da Loterj critica tentativa da União de monopolizar exploração de loterias

Já Percy Wilman trouxe o olhar de um estrangeiro para o debate e ressaltou que ainda não é possível traçar um perfil dos apostadores brasileiros porque a atividade era ilegal no país.

O conselheiro especial da Genius Sports, da Betgenius, enfatizou o potencial enorme do mercado brasileiro para o setor.

- O potencial é muito grande e diria até maior do que o existente no mercado americano, onde a regulamentação é estadual. No Brasil, uma regulamentação federal dá um aspecto grandioso à operação - ressaltou Percy Wilman.

O Joga Brasil está no Tivoli Mofarrej, em São Paulo, acompanhando todos os detalhes do Brazilian Gaming Congress. 

O evento termina nesta terça-feira (25). Fique ligado nas principais informações.

Foto: Albert Caballé

Relacionadas