FogoBet e Curitiba Vôlei anunciam acordo

Apostas Esportivas
FogoBet e Curitiba Vôlei anunciam acordo

FogoBet e Curitiba Vôlei anunciam acordo

Em sua quarta temporada consecutiva na elite da Superliga Feminina de Vôlei, o Curitiba Vôlei vai contar com o patrocínio da FogoBet, empresa do ramo de apostas esportivas, para voar ainda mais alto do que na temporada passada quando terminou na 7ª colocação na fase classificatória. 

Liderado pela campeã olímpica Valeskinha, o Curitiba Vôlei é um investimento que vai alavancar a presença de marca da FogoBet no Brasil já que, de acordo com dados do Ibope/Repucom, o retorno de imagem da equipe na edição 2020-2021 da Superliga Feminina foi de R$ 890 milhões.

Inegavelmente os valores de exposição que o Curitiba Vôlei oferece são importantes para a conclusão do acordo, mas o CEO da FogoBet, Stavros Karagkounis ressalta que o patrocínio também tem um viés muito importante: o apoio ao contínuo desenvolvimento das mulheres no esporte. 

Declarações

"Nós decidimos patrocinar o Curitiba Vôlei não somente por ser um time popular de vôlei no Brasil, mas para preencher um dos nossos valores principais de marca que é dar suporte para as mulheres no esporte. Queremos espalhar a mensagem de igualdade de direitos e condições para as mulheres em todos os setores da sociedade. O projeto do Curitiba é um exemplo que se enquadra nisso. Temos atletas jovens e adultas formando um elenco harmônico. Temos o desejo em desenvolver uma parceria de longo prazo com o Curitiba Vôlei e trabalharmos juntos na ideia de que apoiar e destacar os direitos femininos. Isso vai ajudar em diversas alas da sociedade, mas, também, no acesso e na paixão de novas jogadores de vôlei", disse Stravos Karagkounis, CEO da FogoBet. 

Pelo lado curitibano, a confiança de que essa será a temporada com o melhor desempenho da equipe pode ser notada nas palavras da diretora Gisele Miró.

"Nos sentimos honrados por contar com o patrocínio da FogoBet. Desde que chegamos à elite da Superliga, nosso propósito, ano após ano, é dar um passo a mais rumo à excelência. Seja ele no âmbito desportivo, cujo objetivo será performar melhor do que a sétima colocação na temporada passada, como, também, entregar melhores exposições de marca aos nossos patrocinadores e parceiros. Os valores que envolvem o mundo do vôlei e a audiência que ele obtém são provas de que o vôlei feminino é um bom negócio para investimento", afirmou Gisele Miró. 

O Curitiba Vôlei estreia na Superliga Feminina de Vôlei hoje, dia 29, às 21h contra o Barueri Volleyball Club no Ginásio Jose Correa. A partida vai contar com transmissão do Canal Vôlei Brasil. 

Relacionadas